top of page

Os riscos que a areia da praia traz

Todo mundo já brincou com a areia da praia. Mas você conhece os riscos dessa atitude, aparentemente, inocente? Entenda melhor nesta matéria.



O que há na areia?


Infelizmente, toda praia frequentada possui uma areia contaminada. Há nela bactérias típicas de fezes de animais e humanos, que podem causar vômitos e diarreia; além de outros microrganismos que estão se multiplicando graças à presença cada vez maior dos microplásticos.


Além das sujeiras deixadas pelos banhistas, outros fatores comprometem a qualidade da areia, como o esgoto escoado pelas vias pluviais, a presença de micróbios e manchas de óleo deixadas pelas embarcações.


Há outros elementos presentes na areia que podem ser igualmente perigosos para a saúde e causar machucados, como cacos de vidro, tampinhas de garrafa, espinhos, tentáculos de águas-vivas, conchas e etc.


É importante também redobrar o cuidado com as roupas. Ficar por mais de 1 hora com os trajes de praia molhados pode provocar doenças causadas por fungos, como a candidíase, que afeta a virilha e a região genital, causando vermelhidão, descamação, corrimento e coceira.


A melhor dica é evitar, ao máximo, o contato direto com a areia. Sentar-se nela ou brincar de se enterrar são as atitudes de maior risco. E outra dica superimportante é tomar uma ducha na praia mesmo, para tirar o excesso de areia até chegar em casa e tomar um banho mais caprichado.


Komentar


bottom of page