Todos querem o fim da covid

Todos gostariam de ver o fim da pandemia. Todos querem ver a covid como mais uma na lista das doenças erradicadas ou controladas e voltar a viver como antes. Mas será possível isso? A pandemia pode acabar ainda esse ano? Leia a matéria e acompanhe nossas reflexões sobre o assunto.




O que diz a OMS


De acordo com a Organização Mundial da Saúde é possível dizer que a fase aguda da pandemia da covid-19 acaba nesse ano. Isso é uma ótima notícia. Todos queremos ver a doença erradicada, porém, para se chegar nisso, antes é preciso percorrer um caminho. Controlar a fase aguda da doença é um grande passo rumo ao fim da pandemia, sem dúvidas.


É importantíssimo lembrar que essa previsão é muito promissora e otimista já que, atualmente, ainda morrem 5 pessoas por minuto no mundo por causa da doença. É por isso que acreditar que a covid deixará de ser uma emergência sanitária global ainda em 2022 é fabuloso.


Essa previsão leva em conta, no entanto, que os países continuarão a fazer suas partes, promovendo campanhas de vacinação em massa.



Cuidados pessoais


É crucial que os protocolos de distanciamento social, uso de máscaras e higienização constante das mãos sejam mantidos. Caso contrário o vírus continuará a se espalhar, sobretudo com a variante ômicron que já se mostrou mais contagiosa até o momento.


Mas é muito positivo ver que, mesmo com o número de casos altíssimo, o número de internados graves e óbitos abaixou consideravelmente. Isso é fruto da vacinação, sem dúvidas. O que preocupa é a validade da vacina e a disponibilidade das pessoas em tomar novas doses, quando for preciso. Já vimos que esse novo coronavírus é mutante e, assim como a gripe, é bem plausível pensar que teremos que nos vacinar anualmente contra ele até se descobrir uma cura definitiva.


Se houver um relaxamento na imunização, os casos graves voltarão. Prova disso são os internados em UTIs de todo país: maioria absoluta é de não vacinados ou de quem não completou o ciclo da vacina.


Em resumo, se todos fizerem a sua parte, venceremos essa doença o quanto antes!