Apneia do sono em crianças

A apneia é a interrupção involuntária da respiração durante o sono, que pode levar ao ronco. O quadro é mais comum em adultos, mas crianças e adolescentes também passam por esse incômodo, que é perigoso e pode levar a complicações cardíacas. Leia e entenda.





A apneia nos jovens


Chamada de SAOS (síndrome da apneia obstrutiva do sono), a condição leva a um desconforto respiratório e a um sono não relaxante, podendo ser interrompido algumas vezes durante a noite.


A dificuldade para respirar, motivada por uma obstrução crônica das vias aéreas superiores, junto à fragmentação do sono, pode ocasionar alterações no comportamento do jovem, que ficará mais nervoso e ansioso. Além de levar a alterações cardiovasculares.



Alterações na pressão arterial e saúde do coração


Enquanto dormimos, é comum que o nível da pressão arterial caia até 10%. O problema é que, em jovens com apneia do sono, a queda de pressão não é tão acentuada e isso pode levar a um quadro hipertensivo no futuro, interferindo no bem-estar do sistema cardiovascular.


E a apneia também causa redução do HDL (colesterol bom) e eleva a taxa dos triglicérides. Se o paciente for obeso (fato que está se tornando muito comum entre crianças e adolescentes), vemos as chances de doenças cardiovasculares bem aumentadas.



Prevenção


Sem dúvida, o controle de peso ajudará muito, já que a obesidade é um fator de risco para muitas doenças. Consultar-se com um especialista também é importante, porque ele irá avaliar outas questões que interferem diretamente no problemas, como aumento das amígdalas e estrutura da face da criança.


Vale lembrar que a dificuldade de respirar durante o sono, além da apneia e problemas cardíacos, também podem causar rinite alérgica, baixo tônus muscular, distúrbios neuromusculares e doença falciforme.


Se seu filho apresenta roncos por noites seguidas (mais de 3 consecutivas), senta-se enquanto dorme, tem uma respiração dificultosa durante o sono, sonolência diurna e dores de cabeça, procure ajuda. A avaliação de um profissional fará toda a diferença.