Consumir vegetais ajuda a prevenir câncer?

A má alimentação pode ser um dos pontapés iniciais para o desenvolvimento de câncer em nosso organismo. Mas, será que só ingerir vegetais ajuda a combater tumores? Nesta matéria você entenderá os benefícios da alimentação saudável e tirará suas dúvidas sobre o assunto.




Alimentação desregrada


Comer bem é essencial. Entretanto, no mundo moderno, isso se tornou uma tarefa muito difícil. As guloseimas estão cada dia mais acessíveis e o nosso tempo para preparar refeições saudáveis sempre mais escasso. Isso resulta num consumo cada vez menor de hortaliças – estima-se que o brasileiro vem deixando de consumir 400g de vegetais por dia.


Quando falamos de câncer, é muito importante evitar determinados grupos de comida, que, segundo estudos, aumentam as chances de aparecimento da doença. Entre eles, podemos destacar refrigerantes, frituras, carnes processadas, pipoca de micro-ondas, açúcar refinado e temperos artificiais.



Todo vegetal é bom para a saúde?


Não é bem assim. Dê preferência sempre a frutas, legumes e verduras orgânicos. Evite aqueles que são produzidos com uso de agrotóxicos, pois esses produtos também são cancerígenos.


Quem opta por uma dieta mais rica em vegetais, também consegue perder peso. E isso combate a obesidade – outro ponto favorável ao aparecimentos de tumores.


Alguns vegetais específicos têm ações mais funcionais no combate ao câncer, como acontece com o espinafre, que é rico em ácido fólico. Essa substância, quando escassa no corpo, favorece o surgimento de tumores. O espinafre também tem muita vitamina E, um excelente antioxidante natural que combate os radicais livres – que causam danos ao DNA e favorecem o aparecimento de câncer.



Quantidades mínimas diárias


Comer bem não é difícil. Estudos recentes mostram que o indicado para se viver mais e melhor são 800g diários de frutas, legumes e verduras, subdivididos em 10 porções de 80g.


Para que você possa entender isso melhor, 80g equivalem a uma banana pequena – ou 3 colheres de ervilha.


A inclusão dessas quantidades na dieta não irá apenas ajudar a evitar o câncer, mas também favorecer para se ter uma pressão arterial regulada, menor risco de doenças cardíacas, glicose mais estável e fortalecimento do sistema imunológico.


E, junto a isso, faça atividades físicas regularmente, não fume, beba com moderação e se permita momentos de lazer.