O puerpério

Em termos práticos, o puerpério é o período após o parto, que dura até 60 dias, necessário para que o corpo feminino se reacostume e volte a funcionar como antes da gravidez. Leia esta matéria e entenda que a questão não é tão simples quanto parece.




Qual o real período do puerpério?


Em termos físicos, estima-se que em até 60 dias os órgãos internos da mãe já se reacostumaram a operar como antes do período gestacional, com exceção das mamas, que continuarão a produzir leite enquanto for necessário.


Mas, sobre o puerpério, a questão vai além. Existe o período emocional. Alguns profissionais de psicologia afirmam que esse período pós-parto pode durar por muito mais tempo, porque envolve “como a mulher se vê” e não só como o corpo dela reage. Portanto, não há como definir uma data certa para encerrar esse momento, já que ele traz uma série de mudanças na vida da mulher, do casal ou da família.



O que pode acontecer durante o puerpério


Fisicamente, podemos apontar privação do sono e desgaste físico natural de um pós-parto. Mas a questão vai muito além disso.


A insegurança pode ser uma constante. É uma nova vida que chega à família, uma responsabilidade sobre cuidar e decidir tudo por alguém totalmente dependente e indefeso. Nesse momento, as interferências externas (pai, avó, sogra, outros filhos) podem atrapalhar muito, dando à mãe a falsa sensação de ser incapaz.


A vida sexual também pode ter alterações. É preciso haver compreensão das partes envolvidas.


A sensação de estafa pode ser muito comum, porque agora a mãe, que antes tinha o tempo todo para ela, precisa dividi-lo com a nova vida que chegou.



O que fazer?


Não se exigir tanto é um primeiro passo. Contar com a ajuda e compreensão da família também faz toda a diferença. Se achar necessidade, busque ajuda psicológica. Não se sinta culpada ou errada por não estar se adaptando facilmente a esse novo momento da vida. É algo totalmente comum.


Tente organizar sua rotina de modo que você possa ter momentos de lazer e descanso. Peça ajuda sempre que achar necessário e respeite seu próprio tempo, tanto física quanto mentalmente.