Remédios para emagrecer

Está chegando ao mercado brasileiro a 4ª droga aprovada pela ANVISA que tem por fim auxiliar no emagrecimento do paciente. Mas, afinal, medicação para perder peso funciona? É seguro? Entenda.




O sobrepeso e a obesidade


A obesidade é uma epidemia mundial. No Brasil, 60% da população, maioria absoluta, está acima do peso. E classificados como obesos já representam mais de 40 milhões de brasileiros – mais de 1/5 da população.


Estar acima do peso é uma complicação grave para a saúde, porque predispõe a muitas doenças, como diabetes, hipertensão, infarto, AVC, câncer, além de outros males.



Remédio para emagrecer


Existem alguns medicamentos inibidores de apetite que são receitados para auxiliar no controle do peso, quando perder massa é mais importante que os efeitos colaterais que esses remédios podem causar. Não é a forma mais saudável ou indicada de um emagrecimento, exceto em casos que o médico achar viável.


A medicação recém-liberada é uma combinação fixa e de liberação prolongada contendo bupropiona e naltrexona. Ela se junta a outras 3 drogas disponíveis nas farmácias: liraglutida, o orlistate e a sibutramina.


O perigo dessas medicações é o uso indiscriminado. Apesar de serem vendidas somente com receita, há formas ilícitas de se obter o produto e fazer o uso incorreto, que pode prejudicar a saúde.


Esse novo remédio já é autorizado na Europa e Estados Unidos.



Melhor solução


O ideal mesmo é adotar um estilo de vida saudável, com dieta equilibrada e atividade física. O apoio terapêutico também pode ser muito importante. Tem que se adquirir novos hábitos e fazer disso uma prática diária. É preciso comer bem, sem pensar que está fazendo um regime forçado. Aprenda a fazer substituições e a comer porções ideais nos horários indicados.


Quanto à atividade, é fundamental encontrar algo que dê prazer. Há quem goste de pedalar, outros de jogar futebol. Não importa qual, o importante é se mexer mais. E atenção! Se você estiver sedentário há muito tempo, comece pegando leve, com uma caminhada tranquila, para depois ir aumentando o ritmo.