Vacinei. E agora?

A vacinação vem acontecendo no Brasil há meses, mas a covid está longe de ser controlada. O país ainda registra recordes de mortes e infectados por dia. Nesta matéria, mostraremos a importância de se manter os cuidados, inclusive para os que já se imunizaram.




Vacinação contra covid


Após o início da pandemia mundial de covid-19, diversos cientistas, de várias nacionalidades, iniciaram estudos ininterruptos para a obtenção da vacina contra a doença. E, após alguns meses, algumas indústrias farmacêuticas já ofereciam o imunizante.


Começadas as campanhas de vacinação pelo mundo, a cada dia vemos mais pessoas imunizadas e confiantes que logo superaremos esses tempos difíceis.



Por que o vacinado tem que manter os cuidados?


A vacina é uma proteção individual contra a forma grave da doença. E é muito funcional, já que estatísticas recentes mostram que mais de 99% dos óbitos atuais por covid são de pessoas ainda não vacinadas.


Entretanto, o vírus é capaz de infectar quem já se vacinou e ficar alojado no organismo, pronto para ser repassado a outras pessoas. Ainda que o indivíduo vacinado não desenvolva a doença, ele consegue passá-la adiante, infectando pessoas desprotegidas ou com sistemas imunológicos fracos.


Manter os cuidados de higiene com as mãos, manter o uso de máscaras e evitar aglomerações é um sinal de respeito com o próximo e empatia com a humanidade. Seja consciente, enquanto a doença não estiver controlada em nosso país, mesmo vacinado, mantenha os protocolos e salve vidas.