top of page

O seu guarda-roupas pode prejudicar a sua saúde

Quando o assunto é saúde, o perigo pode morar onde menos esperamos, inclusive no nosso guarda-roupas. Entenda melhor nesta matéria.



Não é só mofo


Quando falamos nos riscos que as roupas guardadas podem trazer, logo pensamos em mofo que, de fato, é um vilão para a saúde, mas o problema não está só aí.


Chapéus, bonés e gorros, por exemplo, até fazem bem se considerarmos que protegem o couro cabeludo contra a incidência dos raios solares, mas podem ser prejudiciais quando o uso for constante, porque traciona, abafa e leva à transpiração excessiva, causando queda capilar.


Por falar em tracionar, é aconselhável que se fuja de tudo que aperta, pesa ou pinica. O uso inadequado de gravatas, por exemplo, pode causar uma compressão nas veias jugulares e artérias carótidas, causando problemas que vão desde redução do fluxo sanguíneo cerebral, a aumento da pressão intraocular e glaucoma.


Cuidado também com bolsas e maletas muito pesadas. Esses acessórios podem atuar transferindo o peso para apenas um lado, o que leva a coluna a entortar e um dos ombros ficar mais baixo do que o outro.


Calças muito apertadas também não são indicadas. Elas podem prejudicar músculos, nervos, circulação e desencadear varizes, celulite e até dores crônicas em testículos e má digestão, acúmulo de gases e constipação.


Vestir-se com estilo e bom gosto é um desejo de muita gente, mas se isso colocar em risco a sua saúde, é importante rever a necessidade de determinada peça de roupa.

Comentarios


bottom of page