top of page

Mitos e verdades sobre a amamentação

O leite materno é tudo o que o bebê precisa até o sexto mês de vida. Nesta matéria você entenderá um pouco mais sobre o assunto e verá que há muitos mitos em torno do tema.



Construindo laços


Além dos benefícios para a saúde da criança, como o fortalecimento do sistema imunológico, o processo de amamentação cria um vínculo muito forte entre a mãe e o bebê, pois é durante a amamentação que ele tem o primeiro contato visual com um rosto e, além da conexão estabelecida entre o alimento recebido e quem o fornece.


Muitas mães ficam em dúvida quanto a alguns temas. Selecionamos os que mais ouvimos e trouxemos esse conteúdo para você.


Mitos e verdades sobre amamentação


- Pode-se cochilar enquanto o bebê está se amamentando? Não. Amamentar exige cuidado e vigilância, caso contrário o bebê pode sufocar e a mãe não perceber. Além de engasgos e outros incidentes.


- A produção do leite pode ser afetada pelo estresse? Sim. Estar estressada pode impedir que a mãe produza prolactina, o hormônio que tem ligação com a formação do leite.


- Pode-se amamentar deitada? Não, pois a criança deve estar com a cabeça em uma posição que não coloque-a em risco de engasgo ou refluxo.


- Deve-se acordar o bebê para amamentar? Sim e não. Se for o caso, por exemplo, de uma criança que não está ganhando peso, é importante acordá-la para se alimentar.


- Criança que acorda no meio da noite está com fome? Nem sempre. Há outros motivos que provocam esse fato, como fralda suja, calor ou frio, por exemplo. É importante que a mãe aprenda a conhecer o tipo de choro do bebê e não ofereça o peito sempre que ele chorar.




Commentaires


bottom of page